Sinais clássicos de manipulação de dados nos ensaios de vacinas

Sinais clássicos de manipulação de dados nos ensaios de vacinas

Dr. Peter Doshi levanta dúvidas sobre os dados que levaram à autorização de emergencia das vacinas.

Há indicios muito fortes de manipulação estatistica e os dados em bruto dos estudos não foram partilhados.
Tudo tresanda. Vacinas administradas a milhares de milhões de pessoas com “autorização de emergência” que é um mecanismo pensado e usado para admniistrar drogas experimentais a uma pessoa, duas, pequenissimos grupos. Dados de fase 3 preliminares, que não tinham sido sequer publicados e revistos por pares à data de autorização de algumas vacinas e sem que ninguém, nem mesmo a EMA ou FDA tenham acesso aos dados em bruto.

Peter Doshi: Pfizer and Moderna’s “95% effective” vaccines—we need more details and the raw data

1594 [suspected cases] occurred in the vaccine group vs. 1816 in the placebo group

O número de “casos suspeitos” de covid nos grupos de vacina é equivalente ao número nos grupos de placebo — e os “suspeitos” são 2000% mais que os “confirmados”. Não foram levados em conta porque não foi confirmado por teste PCR. Isto começa por ser uma aberração ao dar primazia ao teste complementar sobre a informação clinica. Mas não se sabe se não foi confirmado por não fazerem teste, ou se foi um teste negativo. Isto pode ser uma manipulação básica, basta não fazer testes PCR no grupo de vacina e parece que a vacina é muito eficaz. Se olharmos para critérios clinicos em primazia, a vacina tem uma eficácia de 19%, muito longe dos números anunciados em comunicados de imprensa.

311 from the vaccine group vs 60 on placebo

Depois foram excluidos muitos individuos no grupo da vacina por “falha de protocolo” e muito poucos no placebo.  Isto é outro sinal clássico de manipulação. Alguém fica doente no grupo da vacina e inventam-se uma “violação do protocolo” para o excluir antes de se “saber oficialmente que ficou infectado”. Fazem-se desaparecer os números que danificam o resultado. É fundamental saber as razões de tal exclusão.

results indicate that these medicines were taken around 34 times more often in vaccine versus placebo recipients

Há uso de anti piréticos e medicamentos que podem fazer desaparecer os sintomas logo suspeita de caso. Tal utilização foi claramente mais elevada no grupo de vacina e tal factor não foi levaod em conta no cálculo de eficácia. Pura e simplesmente muitas pessoas com sintomas podem não ter sido diagnosticadas porque os esconderam.Sinais clássicos de manipulação de dados nos ensaios de vacinas

Anterior
Próximo