Prevalência baixíssima em camionistas

andre-dias.net

A França exige testes a todos camionistas que entrem do UK. Milhares de testes.

Resultado: prevalência residual. 0,1%

Mais dados em larga escala a apontar sempre no mesmo sentido. Quando se testa com testes que não são manipuláveis por protocolos laboratoriais, porque já vêm preparados e finais de fábrica, obtém-se a real relevância do “fim do mundo”: a montanha nem um rato consegue parir.

Ja tinha sido assim na Eslováquia, Liverpool, universidades inglesas, escolas portuguesa, Vila do Conde. Sempre prevalência residual.

 

https://trans.info/en/dft-data-shows-99-9-of-eu-bound-truckers-testing-negative-for-coronavirus-227876

Anterior
Próximo