Mamademia, mamacina, mamagedão, mamite, mamamer%&

andre-dias.net

Então hoje já levaram com a dose de mamacina?


Devemos estar agradecidos a tecnologia por ter desenvolvido uma vacina injectada no braço. Imaginem o espectáculo se tivesse saído vacina nos gluteos….


Saiu alguma resolução do conselho de ministros a proibir t shirts em campanhas de propaganda?


Ainda bem que não há vacinação à hora de jantar


Antes de fazerem o plano de vacinação deviam ter olhado para as estisticas que atribuem mais perigo as mulheres e ter começado com esse grupo. houve um caso gravíssimo de uma enfermeira de 20 anos no Bornéu…. just saying


As empresas de distribuição de vacinas tinham muito a ganhar se usassem o serviço táxi 112 iniciado com o estado de emergência. O táxi era ele próprio a escolta policial


A gnr e psp estão com medo que as mulheres transgenero roubem as vacinas para poupar na cirurgia mamária?


Durante o percurso em Espanha quem é que fez escolta?


Escoltaram e mantiveram em segredo a localização da vacina da gripe tão bem que ninguém se lembra onde está!


O que será crucial é saber se o voyerismo não falha nenhuma segunda dose. Novelas sem climax são fiasco de audiências


Lágrimas. Ninguém se lembrou das lágrimas! Está tudo despedido!


Quero ver a indignação quando o bastonário levar a mesma camisa para a segunda dose!


Campanha de saúde pública verdadeira era aparecerem todos na segunda dose com 15 kg a menos


Os chefes decidiram que a gnr e psp iam partilhar a escolta! Mas perguntaram ao fotógrafo se cabiam todos na foto?


Alguém consegue um “publicidade, não obrigado” para caixas de SMS? Ou uma cópia da GDPR para entregar na DGS?


Agora enviam SMS para dizer que tem uma consulta de vacina daqui a 1 ano. Deve ser resultado dos programas de redução de listas de espera, desceram de 5 anos para 1.


E se em vez de mandar SMS atendessem o telefone para marcar consultas de médico de família?


Será que o Paulo portas vai comentar as mamas do bastonário?


Ficou a faltar a garrafa de champanhe, coroa e beijos de duas meninas!


Se faltarem vacinas para a segunda dose destes, telefonem a Ana Gomes, ela tem uns connects e orienta umas a bom preço.


Se eu comprar pela internet uma vacina da China também posso mostrar as mamas em directos?


Vou começar a fazer directos “perguntas e respostas e mamas”. Da muitas visualizações!


Depois das drogas da violação terem sido violentamente punidas pela justiça, desapareceram das discotecas do país. Mas rapidamente apareceu a injeção mostra mamas


Suspeito que tenham trocado o lote na fábrica. Deve ter vindo da fábrica dos soros da verdade e soros mostra mamas


Traficantes de ecstasy estão a ver o negócio arruinado pela nova droga mostra mamas gratuita


As vezes o puritanismo americano tinha sido bem vindo. Tinham de censurar as mamas em prime time.


Vivemos o mamagedão


Na próxima escolta proponho uma troca de tiros, um condutor que afinal e traficante de drogas e a agente Susana que se apaixona pelo condutor Edilson recém chegado do Brasil.


Mandam escolta e tal, mas uma segunda carrinha para o caso do frigorífico da principal avariar ? E uma ambulância para o condutor se tiver um ataque cardíaco? Ahhh pois é, tantas coisas que podem correr mal!


Pois, mas ninguém se lembrou de fazer escolta e ir filmar a chegada das seringas! Muito mais importantes, elas e que fazem o trabalho todo!


Como as vacinas foram compradas a distância também tem 14 dias de devolução?


Será que há planos para fazer passaportes mama? Só pode viajar quem mostrou a mama


Será que se atinge imunidade de grupo a más piadas com 60% de mamas de figuras públicas?


O Manuel Carmo Gomes vai fazer modelos de evolução de casos de mamas na tv por dia se não cumprirmos as restrições de ano novo?


Bem nos avisaram que havia um preço a pagar por querermos ver a família no natal! Era o sangue nos olhos de tanta mama


Será que quem não gosta de tanta mama vai ser rotulado de mamagador? Mamalanista? Mamessias?


Se cada vacina contemplasse um implante de silicone o espectáculo podia ser muito melhor. Fica a ideia para 2025


Aposto que nem o Neil Ferguson conseguiu prever tantas mamas!


Vivemos uma mamademia. Esta a oms não treinou muito menos previu


Alguém consegue calcular a sensibilidade e especificidade do teste “jornalixo” a encontrar mamas? Tenho a sensação que é muito melhor que a encontrar “respostas a perguntas incómodas”


Não se compreende a falta de mamas no programa da Cristina!


Não são só os bebés que adormecem na mama. É também possível adormecer um país de adultos com mamas q.b.
Este é o grande avanço técnico do ano
——
You can leave your hat on
Is now
You can leave your mask on
Unfortunately Cocker is dead can’t record it for propaganda purposes
—-
Baby take off your shirt
Real slow
Take off your dignity
I’ll take off your human rights
Baby, take off your trust
Yes, yes, yes
But you can leave your mask on
—-
Os políticos e jornalixo entenderam mal quando esta semana lhe disseram “isto do medo do vírus é uma mama sem fim para nós”
—-
Quando eu me licenciei a minha redação não tinha leite
Fui criado como um jornalista enjeitado
Mamei em politico e em tudo que tinha dinheiro
Cresci assim nesse esterqueiro
Fiquei sem ética
Hoje sou jornalixo e arranjei um vacinario
E passo o dia a mamar
Nos peitinhos do mercenário
Eu gosto de mamar
Nos peitos do bastonário
Eu gosto de mamar
Nos peitos do bastonário
—-
Será que daqui a 2 semanas substituem a mama por biberão mutante?
—-
Ainda bem que os obrigam a usar máscara. Aguentar mamas e sorrisos hipocritas ao mesmo tempo era overdose
—-
Esperemos é que a mãe não seja apologista da amamentação enquanto o bebé quiser mamar. Ficamos nisto anos sem fim.
Mamma mia, here I go again
My my, how can I resist ya?
Mamma mia, does he show It again?
—-
Depois de tantas horas na mama, quando é que o bebé -país precisa de mudar a fralda? É desta que Livramos do cocó das redações, parlamento e governo?
—-
Depois de tantas horas na mama quando der cocó e preciso mudar a fralda ninguém o vai querer fazer. Vai ser culpa do governo anterior, de quem não usava máscara e dos negacionistas. Mas o bebé vai morrer na me£&@
—-
Querem apostar que quando tirarem o país da mama ele vai chorar?
—–
Quando tirarem o país da mama e ele chorar sem dó, vão ter contar histórias de embalar a noite toda.
—–
O que eles não sabem é que quando acaba o leite os carneiros marram nas mamas para sair mais
—-
O país inteiro a sofrer de mamite e ninguém impõe uma quarentena mamaria!
—-
O polígrafo diz que é tudo falso. Aquilo não eram mamas, segundo o Julinho de 4 anos, que já criou dois sites de vídeos de gatinhos, só as mães é que podem ter mamas e que a ciência ainda nada sabe sobre fisionomia masculina. A Ricardina de 8 anos assegura que ainda que sejam mamas “quase 100%” que não são. O Pedrito de 12 anos que sonha trabalhar no IMM a testar máscaras garante que as mamas nunca passariam na lente da câmara assim, sabe que as lentes modernas filtram 90% das mamas em hora de jantar, basta uma daquelas que se vende na ilha.
—-
Roda, roda e vira, solta a roda e vem
Me passaram a Seringa no deltoide e ainda não comi ninguém
Roda, roda e vira, solta a roda e vem
Neste raio de vacinação
Já me passaram a Seringa no deltoide
E ainda não comi ninguém!
Oh, Manoel, olha acá como eu estou
Tu não imaginas como eu estou sofrendo
Uma teta minha um jornalixo arrancou
E a outra que sobrou está doendo
Oh, Maria, vê se larga de frescura
Que eu te levo no hospital pela manhã
Tu ficaste tão bonita monoteta
Mais vale um no telejornal do que dois no sutiã
—–
Se o guionista das produções fictícias Marçal pode escrever livros, ensaios e dar entrevistas sobre vírus eu também posso fazer umas piadas. Certo? Certo? É assim que os especialistas são levados a sério não é?
—-
Depois de tanto tempo na mama o bebé vai chorar sem consolo. O vizinho vai fazer queixa e vem o fundo social internacional resgatar a criança, a boa taxa de juro claro!
—-
Nem com a real pandemia de obesidade a nu à frente dos olhos no telejornal a carneirada deixa de falar no vírus.
—-
Se pelo menos obrigassem ao uso de máscara nas mamas….. seriam as mamamascaras
—–
Eu acho que até pensaram em legislar sobre uso de máscara nas mamas, mas concluíram que ninguém levava a sério e gozaria com o gago a dizer “agora é obrigatório o uso de ma-ma-ma-scaras
—–
Ainda bem que não se lembraram de legislar distância social as mamas
—–
Bem que podiam ter escolhido assintomaticos mamarios.
—–
Tenho o chefe a perguntar porque é que já é meio dia e ainda não fiz nada.
“Achas que te contratei para mamar?”
—-
Este ano em vez das doze passas de ano novo, vamos ter doze mamas.
As vezes temos sorte e sai uma passa mais doce… pode ser que…..
A chatice e que em vez de champanhe vai sair leite
—–
Aposto que a maioria está convencida que fiquei mamamaluco
—–
Recebi 20 mensagens
“Pára! Não achas que já é de mamamais?”
—-
Por mais que tente divulgar dados objectivos, tenho a certeza que a mamamaioria continuará a acreditar cegamente na mamanarrativa.
—-
Alguém consegue uma audiência com o PR mamamarcelo? Para lhe mamamandar mamamais artigos cientificos
—–
Isto é o que se chama mamamau mamumor em tempo de mamademia
—-
mamamandem ajuda. Tento parar mamamas não consigo. Estou mamamuito perto de mamamorrer.
—–
O que é mamamais deprimente nisto tudo é que os nossos filhos terão de nós apenas mamamás mamamemórias
—-
Os ingleses tem a mutação do virus. Nós temos a mama do virus. Tomem! Embrulhem!

 

 

 

 

 

 

Anterior
Próximo