Convivio com crianças reduz risco de doença

Convivio com crianças reduz risco de doença

Um estudo de 300 000 pessoas, uma dimensão muito pouco vista na maioria dos dados de covid, e certamente nunca visto nos estudos que justificam a destruição, indica que o convivio e convivência com crianças reduz marginalmente o risco de doença. A redução é marginal, que fique claro, mas o risco absoluto é também ele marginal. O essencial é que não aumenta. Mais, prova que as crianças são a primeira peça da imunidade, que fechar escolas é acima de tudo destruição gratuita de uma geração, crime que tem de ter culpados.

Em Março e Abril, expliquei isto, que eram séculos de conhecimento epidemiológico, que as “crianças são aspiradores de víirus que não ficam disponiveis para infectar outras pessoas vulneráveis”. Fui insultado, repetidamente, porque não só queria matar velhinhos, como queria matar crianças.

 

https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2020.09.21.20196428v1

 

Convivio com crianças reduz risco de doença

Anterior
Próximo