A Suécia deve estar toda morta

A Suécia deve estar toda morta

Não deve restar ninguém vivo na Suécia. Até já “pediram ajuda aos vizinhos”, “aprovaram mais medidas“, “admitem que falharam”, tudo o que o jornalixo nacional se lembra.

Curiosamente Portugal ali em Julho era uma perfeição. O que realmente é grave  para estes personagens sombrios é mesmo a mortalidade abaixo da média durante metade do ano na Suécia, que compensa todo o excesso no resto nos poucos meses que existiu – e uma subida banal para o inverno.

A manipulação não conhece limites.

Gráfico de excesso de mortalidade de Suécia, Portugal e Noruega. Ou seja, percentagem de pessoas que morreram a mais que a média dos ultimos 5 anos.

A Suécia deve estar toda morta

Anterior
Próximo