A DGS a explicar a destruição do processo de ensaio clinico

A DGS a explicar a destruição do processo de ensaio clinico

A DGS tentou escamotear a vergonhosa destruição do processo de ensaio clínico, fundamental na segurança e controlo de mercado.

Reparem bem como se referem a “desenvolvimento” de vacina, mas para a covid é “obtenção”. Não há desenvolvimento, não há nada. “Obtém-se” “qualquer coisa” e “faz-se passar” por uma farsa de “ensaio clinico”, de forma a render muitos milhares de milhões. A segurança dos cidadãos sujeitos a experimentação ilegal? Nota de rodapé.

Reparem como mantém a “fase II” na imagem, como se tivesse sido feita, quando nem fase II nem fase III foram feitas, nem sequer um ciclo de ensaio controlado foi concluido, so estará em 2023, porque…. demora muito tempo ter a certeza que o medicamento é seguro e que tem efeito.

Mentem descaradamente ao manter a “aprovação”. Nenhuma vacina covid está aprovada, foram todas introduzidas no mercado ao abrigo de mecanismos de “autorização de emergência”.

Não há qualquer “revisão” digna de nome, os dados de “eficácia” foram publicados em anuncios bolsistas semanas antes de qualquer dado experimental ter sido submetido a revisão por pares. Cimentaram a crença antes de qualquer revisão.

Apenas mais um acto obsceno de “especialistas” que mais não são que marionetas politicas, funcionários públicos com salário garantido que estão a marimbar para as consequências das suas decisões, apenas mais prova do pantâno que o estado se tornou, incapaz de servir quem quer que seja além das suas carreiras narcisistas.

 

A DGS a explicar a destruição do processo de ensaio clinico

 

Anterior
Próximo