Facebook Post: 2021-02-18T11:56:07

andre-dias.net

Restaurantes estão legalmente impedidos de vender água com uma refeição. Mas podem vender tabaco.
Precisam que gozem ainda mais convosco?
—-
Há mais multas por vender água que detenções por tráfico de drogas como heroína, cocaina, ecstasy.
Há mais recursos policiais gastos em punir venda de alimentos que venda de drogas que matam milhares por ano.

Há mais polícias a vedar fronteiras a turistas que representam o rendimento de 1 milhão de famílias que a desmantelar redes de tráfico humano e sexual que destrói a vida de milhões todos os anos.

Há mais polícias a policiar papelada inútil de quem vai trabalhar que inspectores da ACT a punir condições de trabalho indignas
—-
Os empregadores gastam mais recursos a justificar deslocações de funcionários que a dar lhes formação e a melhorar a produtividade
—-
Um homicida a cumprir pena tem mais direito a trabalhar e obter rendimento, a educação e a passeios ao ar livre que cidadãos exemplares com impostos todos em dia.
Um homicida tem uma pena com duração bem definida, tem direito a audições de liberdade condicional e alimentação garantida todos os dias a horas certas.
—-
Dezenas de paises tem obrigação legal de todos os estabelecimentos com serviço ao público de disponibilizar água potável gratuita.
A UE emitiu diretiva nesse sentido em Fevereiro 2018.
É considerado um direito Humano essencial.
Portugal proibe-se a venda de água!
—-
Há mais multas por não usar máscara que por falta de açaimes em caes perigosos. Os caes matam e ferem crianças e adultos saudáveis.

—-
Um cão pode sair à rua com qualquer pessoa, pode correr e aterrorizar crianças livremente num jardim, pode defecar inpunemente no jardim. Pode socializar com todos os pares de qualquer idade e com qualquer Humano. Tem direito a cuidados veterinários como sempre teve. A sua alimentação nas condições de sempre é considerada actividade prioritária e razão para não cumprir confinamento. Transmitem doenças mortais a milhares de pessoas todos os anos, causam conflitos sociais profundos por ruido.
Uma criança tem que estar acompanhada de um membro do agregado familiar, não pode usar parques infantis e não pode brincar num jardim. Está proibida de socializar, em especial com os avós para quem representa o maior motivo de alegria. Para receber cuidados médicos tem que se sujeitar a testes não consentidos. A sua alimentação em locais públicos – restaurantes – está proibida.


Um cão num canil tem mais direitos que um velhinho num lar.
Um cão pode ser visitado a qualquer hora e frequência sem risco de incorrer em qualquer desobediência, pois é explicitamente mencionado como excepção a confinamento, incluindo cuidados médicos. Um “voluntário” que o faça não precisa de qualquer documento para a deslocação.
Um velhinho não pode receber visitas a qualquer hora ou de qualquer pessoa. Se receber cuidados médicos é condenado a prisão em confinamento solitário. Um funcionário de um lar precisa de uma declaração patronal para ir trabalhar.

—-
Se tantas pessoas se indignassem com destruição de direitos constitucionais como de indignam com um parágrafo sobre cães, há muito que a ditadura tinha acabado.
Por outro lado, quando não são capazes de ler um parágrafo de metáfora, não tenho a mínima esperança que compreendam falsos positivos.
De hipocrisia em hipocrisia até à fome final.


Os decisores que mandaram fechar as escolas são os mesmos que decidiram que o seu emprego é muito importante e que os seus filhos continuam a ter aulas presenciais. Chama-se oligarquia.
Querem que gozem ainda mais com a vossa cara?

Facebook Post: 2021-02-18T11:56:07

https://www.facebook.com/105540661154771/posts/261395835569252/

Anterior
Próximo