Porrada para uns, privilégios para outros

Quando em Odemira supostamente há um inferno de casos, manda-se a polícia com cães prender pessoas às 4 da manhã.  Mais mal tratados que animais para abate!

Quando em Cabeceiras de Basto testam como burros e encontram muitos falsos positivos, mandam para a miséria os negócios e fecha tudo.

Quando em Arganil e preciso fazer circo, que se lixem as crianças que ficam sem escola.

Quando em Lisboa um bando de jumentos larga umas larachas na televisão com bestas quadradas a fazer de jornalista e há “algo muito assustador”, adianta-se a vacinação!!! Que se lixem os velhinhos do resto do país, podem morrer. Que se lixem os impostos do resto do país, paguem aos primos e enteados dos corruptos.

Se fossem gozar antes com a vossa avozinha? Pulhas indignos de qualquer discurso urbano e bem educado! Sois uma escumalha indigna!

Anterior
Próximo